27 de mar de 2013

Opinião – Parte II : Campanha “Não deixe a cena da sua cidade morrer”



Pode ser uma iniciativa positiva. Mas, porque anônimo? Ninguém deveria ter medo de fazer criticas. Além disso, eu acho que o primeiro ponto não é muito válido nesse sentido.

"Panelas que não convidam outras bandas pra tocar" sabe por quê?  Mesmo que existam tais "panelas" (que são produtores de shows, um elemento super importante) qualquer que seja ela iria querer ter uma banda BOA pra tocar pelo simples motivo de que aqui temos poucas. 
Qualquer produtor "panelinha" que seja vai colocar tua banda lá se ela for BOA, porque isso aqui é raro. E você como banda, sabe o que deve fazer? deve ter uma boa banda! Não teria panelinha que te seguraria aqui. Você seria especial

[...] Ainda nesse sentido senti falta de responsabilizar as bandas que não conseguem se comunicar artisticamente com públicos que existem em Santarém. Curtir e apreciar música não são caridade! As pessoas tem que gostar. E se você conseguir perceber o seu papel como artista e músico vai buscar se aperfeiçoar e moldar suas ideias artísticas para que elas consigam se relacionar com o público de fato, sem deixar de perder sua proposta.
 Tem que se ligar na linguagem utilizada pra existir um entendimento e uma boa relação.

Por: Jonatan Crestani

--------------------------------------------------------

Enquanto houver "críticos" que não movem um músculo pela cena, vai continuar existindo a tal "penelinha", mas serão pessoas empenhadas a fazer o show acontecer. Se mostre, apareça nos eventos, estenda sua mão e contribua (ainda que seja pouco, mas contribua) para ajudar e depois se não estiver satisfeito, critique novamente. Um abraço!

Por: Marcos Fortunato


--------------------------------------------------------------------------------

Comentários com relação ao post: 



Edição: Andriene Moura

0 comentários:

Postar um comentário